Ômicron abala eventos esportivos, e não vacinados serão cada vez mais excluídos

Seleção quer mudar imagem dos boxeadores e traça objetivo para Paris-2024
1 de janeiro de 2022
Governo chinês proíbe tatuagens em jogadores convocados para seleção de futebol
1 de janeiro de 2022
Se alguém te disser que sabe com certeza como estará o mundo em 2022, seja com uma visão muito otimista ou pessimista demais, desconfie. A pandemia nos ensinou que não temos controle sobre nada e, ao mesmo tempo em que doses de reforço da vacina contra o coronavírus chegam aos braços de muitos ao redor do mundo e pensamos que nossas vidas finalmente voltarão ao normal, uma nova variante nos mostra a dura realidade. Não dá para cravar como vai ser o novo ano. O esporte segue o mesmo caminho. Mas podemos, sim, ter uma ideia.
Leia mais (12/31/2021 – 15h00)

Os comentários estão encerrados.