Caça ao marfim afeta evolução e faz elefante sem presa virar maioria em Moçambique

Desafios para transformar a educação
5 de novembro de 2021
Gene com papel crucial no crescimento das crianças é descoberto por cientistas
5 de novembro de 2021
A guerra civil que devastou Moçambique entre 1977 e 1992 deixou marcas na trajetória evolutiva dos elefantes que habitam um dos parques nacionais do país. Durante os anos de conflito, a caça indiscriminada da espécie, em busca de seu cobiçado marfim, fez com que as fêmeas sem presas se tornassem maioria no local, algo raro em populações naturais de elefantes.
Leia mais (11/04/2021 – 07h00)

Os comentários estão encerrados.