Educação: 1.000 dias de omissão e destruição

Passaporte ético
2 de outubro de 2021
Chineses e americanos vão para a batalha no cinema e na Wikipedia
2 de outubro de 2021
Mil dias do governo Bolsonaro. “Ministério da Educação não deveria existir”, diz Olavo de Carvalho, quem indicou dois ministros ao MEC. Na lista de prioridades de 2021 enviada pelo governo ao Congresso, só há uma de educação: a educação domiciliar, ou homeschooling, que atinge menos de 0,1% dos alunos.
Leia mais (10/01/2021 – 21h33)

Os comentários estão encerrados.