Filme recria dia em que equilibrista caminhou entre as Torres Gêmeas

Em tratamento contra o câncer, Caio Ribeiro surge careca nas redes sociais
9 de setembro de 2021
‘Lira continuará sentado sobre pedidos de impeachment?’, pergunta leitor
9 de setembro de 2021
O primeiro contato foi na sala de espera de um dentista. O jovem Phillippe Petit viu numa revista a propaganda de um World Trade Center que ainda não havia sido construído. Simulou um espirro para abafar o som que produziu quando rasgou a página. E saiu com o seu sonho debaixo do braço -a partir daquele momento, ele queria se equilibrar num fio de aço estendido entre as Torres Gêmeas. E mais: sabia, desde o começo, que seria uma missão ilegal.
Leia mais (09/08/2021 – 23h40)

Os comentários estão encerrados.