Reconhecimento fotográfico leva à prisão 8 entre 10 réus absolvidos, mostra estudo

Veja curiosidades sobre os 200 livros escolhidos
5 de maio de 2022
Criolo lamenta morte da irmã mais nova por Covid-19: ‘Arrasou minha família’
5 de maio de 2022
Mais de 80% dos réus absolvidos de acusações feitas com base no reconhecimento fotográfico chegaram a ser presos no curso do processo judicial. Em média, a detenção durou um ano e dois meses ?há casos de pessoas que ficaram presas por quase seis anos.
Leia mais (05/05/2022 – 00h01)

Os comentários estão encerrados.