Pesquisadores dizem ter descoberto no Marrocos as joias mais antigas da humanidade

Me guardando pra quando o Carnaval chegar
23 de novembro de 2021
Brasil chega a 80% da população adulta com esquema vacinal completo contra Covid
23 de novembro de 2021
O Marrocos anunciou nesta quinta-feira (18) a descoberta das “joias mais antigas da humanidade”, que datam “entre 142 mil e 150 mil anos”, perto do balneário de Essaouira (sudoeste).

Um grupo de paleontólogos apresentou vários colares e pulseiras feitos de pequenas conchas perfuradas, coloridas com ocre vermelho, encontrados há algumas semanas na caverna Bizmoune, perto de Essaouira.
Leia mais (11/22/2021 – 07h44)

Os comentários estão encerrados.